Abs growth puro
Edit Content

Menu

KPIs na Contabilidade: Saiba quais são e como utilizar corretamente em seu escritório

Publicado porRogerio
Atualizado em

Já ouviu falar em KPIs na contabilidade? Aprenda, neste artigo, quais são os melhores e como avaliá-los em seu escritório.

O que as estratégias de sucesso têm em comum? Todas elas acompanham frequentemente a performance das ações. Este é o papel dos KPIs na contabilidade!

De acordo com a Content Trends, cerca de 78% das empresas que documentam suas estratégias se consideram bem-sucedidas. Já em empresas que não fazem esse acompanhamento, a porcentagem cai para 25,2%.

Acompanhar a performance das ações permite com que se avalie melhor o que está funcionando e o que não está. E é exatamente por esse motivo que o processo não deve ser deixado de lado. Afinal, essa é a melhor maneira de analisar e melhorar os resultados. 

E assim como com qualquer outro tipo de acompanhamento, essa análise precisa de números. São eles que vão te mostrar se os seus resultados e o ROI (Retorno Sobre Investimento) estão de acordo com o planejado.

Os KPIs na contabilidade são parte fundamental da estratégia de gestão, pois possibilitam um acompanhamento periódico das métricas e um melhor gerenciamento do nível de desempenho e sucesso das suas estratégias.

Quer aprender tudo sobre os KPIs na contabilidade? Então continue a leitura e descubra o que eles são e quais os melhores indicadores para um escritório de contabilidade.

O que são KPIs?

O Keys Performance Indicator (KPIs), ou Indicadores-chave de Performance, são indicadores que medem o desempenho de ações ou de um conjunto de iniciativas. Por meio dos KPIs na contabilidade é possível avaliar se as estratégias estão atendendo os objetivos propostos no planejamento. 

Para isso, você pode utilizar diversos indicadores, sendo que cada um deles é específico para medir diferentes tipos de ações.

Os KPIs são representados em forma de número ou porcentagem. Os indicadores estão diretamente ligados às metas e objetivos do escritório e, por isso, são diferentes das métricas.

Existem milhares de indicadores que podem ser medidos. Afinal, estamos vivendo em uma época com alto fluxo de informações. Entretanto, não são todos os indicadores que podem ser medidos em todos os tipos de negócio. Existe um olhar estratégico por trás da escolha dos KPIs que devem ser mensurados.

Um KPI pode ser um número ou uma porcentagem.

Por exemplo: se você deseja medir quantas páginas um visitante viu no seu blog, você terá um número. Agora, para mensurar qual a taxa de rejeição de uma página do site, essa métrica será avaliada por meio de um percentual. 

KPIs na contabilidade

Qual a diferença entre KPIs e Métricas?

É muito comum confundir KPIs na contabilidade com as métricas. Mas, é importante saber que eles não são a mesma coisa. Todo KPI é uma métrica, porém, nem toda métrica é um KPI.

Parece confuso, né? Mas, na verdade, a diferença é muito simples.

Os KPIs são indicadores importantes para os objetivos do seu escritório. Já uma métrica é apenas algo a ser medido. Se, em algum momento ou por algum motivo, essa métrica se tornar relevante para as suas estratégias, ela vira um KPI.

Quais são as características de bons KPIs?

Os KPIs na contabilidade são considerados eficazes quando possuem algumas características específicas. Confira a seguir algumas dessas características de bons KPIs.

Os KPIs devem ser relevantes e ter alto impacto

Para avaliar se uma métrica deve, ou não, virar um KPI, é importante avaliar se este KPI trará consistência relevante para o negócio. Dessa forma, garante-se que todas as decisões sejam tomadas com base em KPIs que realmente têm alto impacto em seu escritório.

Ter equilíbrio

O equilíbrio é muito importante para bons KPIs. Isso significa que os indicadores precisam cumprir necessidades de curto, médio e longo prazo.

Ser fácil de compreender e relevante

Os colaboradores do seu escritório devem ser capazes de entender os KPIs e, acima disso, compreender a importância que eles têm sob os resultados. Para isso, o ideal é que os KPIs sejam fáceis de usar e possam ser segmentados de maneira muito simples.

Os KPIs na contabilidade precisam ser temporais

Por último, mas não menos importante, todos os KPIs devem ser medidos em tempo hábil, conforme o período estipulado na etapa de planejamento. Essa mensuração pode ser diária, semanal ou mensal, dependendo dos resultados e ações que você deseja avaliar.

Vantagens dos KPIs na contabilidade

Os KPIs na contabilidade permitem que os gestores identifiquem o processo que estão seguindo em direção ao cumprimento de seus objetivos. Esses indicadores são extremamente importantes, principalmente pelo fato de que se você não conhece suas próprias forças e fraquezas, nem o que precisa ser melhorado nas suas estratégias, não conseguirá elaborar um plano de melhoria eficiente e que melhore seu desempenho.

Confira a seguir as principais vantagens dos KPIs na contabilidade.

Os KPIs na contabilidade oferecem resultados quantificáveis

Os KPIs são muito interessantes pois oferecem resultados mensuráveis e quantificáveis. Por meio deles, é possível recalcular as rotas, traçar estratégias e elaborar ações a partir dos resultados demonstrados.

Além disso, os KPIs também são uma forma de entender quais áreas necessitam de ajustes, permitindo, assim, estabelecer estratégias de correção para alcançar os objetivos propostos.

Melhoram o desempenho individual dos colaboradores

Além de ajudar nos resultados do escritório, os KPIs na contabilidade também contribuem na melhoria do desempenho individual de seus colaboradores. As informações obtidas por meio da análise dos KPIs contribuem para incentivar os colaboradores a trabalharem de maneira mais eficaz e assertiva. 

Isso é extremamente importante pois quando os envolvidos conhecem as métricas e objetivos, eles tendem a se sentir mais incentivados para realizar suas tarefas da melhor forma.

Aperfeiçoamento do desempenho

Por meio da avaliação dos KPIs, também é possível identificar os colaboradores e departamentos que têm apresentado os maiores e menores desempenhos. Isso permite com que se canalize os recursos da melhor maneira possível, com o objetivo de melhorar ao máximo os resultados.

Impulsionamento de vendas

Os KPIs também têm uma contribuição significativa no aumento das vendas na contabilidade. Com esses dados, é possível estabelecer objetivos para a sua equipe comercial, estabelecendo recompensas tanto para o time, quanto para colaboradores que tiverem destaque. 

Essa é uma maneira de gerar uma concorrência saudável entre os colaboradores, onde eles têm muito a ganhar, e o seu escritório também!

Melhora a capacidade de tomada de decisão

Os KPIs ajudam a reduzir incertezas e dúvidas, pois deixam claro o caminho que deve ser seguido para alcançar os objetivos. Isso faz com que as decisões sejam tomadas com mais facilidade, levando o escritório para a direção correta. 

Otimiza tempo e recursos

O uso dos KPIs proporciona com que os escritórios economizem tempo e recursos, uma vez que todos os esforços são direcionados com um único foco. Os KPIs contribuem no alinhamento dos objetivos, fazendo com que tarefas que, aparentemente, são mais complexas, se tornem muito mais fáceis de entender e executar.

Como escolher bons KPIs na contabilidade?

A resposta para essa pergunta é muito simples: um KPI precisa ser relevante para seu objetivo. Por exemplo: se você quer atrair mais visitantes para o site do seu escritório, acompanhar o Custo de Aquisição de Clientes (CAC) não é tão interessante neste momento. 

É importante ter em mente que os KPIs na contabilidade estão diretamente ligados aos objetivos que se deseja alcançar. E o motivo para isso também é muito fácil de entender, afinal, é por meio dos KPIs que é possível medir a performance de cada um dos seus objetivos e mudar as estratégias, se assim for necessário.

Indicadores errados trazem performances e resultados errados. Por isso, é muito importante que os indicadores de desempenho estejam fielmente alinhados aos seus objetivos. Assim, você não corre o risco de avaliar um KPI, achar que está indo muito bem, quando, na verdade, os resultados não são bons.

Mas, como saber quais KPIs são os melhores para avaliar suas estratégias? Quais deles indicarão o percurso que você tem traçado rumo aos seus objetivos? É isso o que veremos a seguir! Confira, abaixo, 5 características de um bom KPI.

Os KPIs na contabilidade precisam ter importância para a base do escritório

Lembra quando falamos que o KPI mostra se a sua estratégia está trazendo bons resultados? Esse é o primeiro fator que mostra que o KPI que você está analisando é realmente um bom indicador.

Um bom KPI deve mostrar se o seu principal objetivo está sendo atingido, ou não.

Se o seu objetivo é aumentar suas vendas na contabilidade, por exemplo, o KPI deverá te mostrar se você realmente está vendendo mais e crescendo, ou não.

kpis na contabilidade

Os KPIs devem estar disponíveis para serem mensurados

Pode até parecer óbvio, mas muitos contadores erram nesse quesito. Um KPI principal precisa estar disponível para que possa ser mensurado e avaliado corretamente. Na prática, isso significa que você só pode quantificar seus prospects a partir do momento em que começar a gerá-los, ou só pode avaliar o desempenho das suas campanhas de marketing um tempo depois de elas irem ao ar.

Ter relevância

Um dos grandes segredos para escolher um bom KPI é que ele não pode ser irrelevante para os seus resultados só porque, aparentemente, podem dizer que algo está indo bem. 

Sabe aqueles números que não mostram nenhum resultado concreto, como comentários, curtidas e compartilhamentos? Eles apenas parecem importantes, mas de nada servem se não vierem acompanhados de novos clientes. Por isso, foque no que realmente importa!

Ter periodicidade

Um KPI precisa ser medido constantemente, afinal, é a partir desse acompanhamento periódico que é possível entender o que funciona e o que não, bem como se o ROI é interessante.

Em vista disso, sempre escolha KPIs que possam ser mensurados com certa periodicidade e que, consequentemente, ajudem na tomada de decisões periódicas.

Te ajudar em escolhas estratégicas

Um bom KPI deve ser o seu suporte para a tomada de decisões estratégicas. Tenha em mente que informações e dados são sempre a melhor base para tomar boas decisões e é papel do seu indicador-chave de performance te ajudar nessas escolhas.

Se o seu KPI não te ajuda a tomar decisões, traz dúvidas sobre o desempenho das suas estratégias ou não deixa os dados claros, fique atento: você não está avaliando o indicador-chave errado.

Do que adianta ter bons dados se eles não te ajudam a tomar as melhores decisões para o crescimento do seu escritório?

Quais são os tipos de KPIs?

Como já dissemos anteriormente, existe uma infinidade de indicadores-chave que podem ser importantes para o seu escritório e suas estratégias, porém, muitos deles só fazem sentido se tiverem suporte de dados ou testes.

Isso significa que você pode utilizar diferentes tipos de indicadores que podem variar de acordo com os seus interesses.

A partir dessa definição, os KPIs são divididos em três categorias: primários, secundários e práticos. Confira a seguir o que cada um deles significa.

KPIs primários

Os KPIs primários, diferente do que o nome sugere, não têm nada a ver com algo básico ou como o primeiro passo de alguma ação. Ao contrário disso, os KPIs primários na contabilidade são os indicadores que são encontrados primeiro.

Esses indicadores-chave de desempenho medem os resultados e apontam, por exemplo, se as estratégias de marketing digital para contabilidade estão trazendo bons resultados.

No marketing, os KPIs primários mensuram resultados. Isso significa que, por meio dos dados obtidos na estratégia, é possível analisar se as ações planejadas têm dado o retorno esperado.

Fazem parte dos KPIs primários para contabilidade os seguintes indicadores:

  • Leads;
  • Tráfego;
  • Custo por lead;
  • Taxa de conversão;
  • Receita por compra e receita total.

Conheça a seguir as características dos KPIs primários para contabilidade!

Leads

Um dos principais indicadores-chave de desempenho primários diz respeito à quantidade e a qualidade de leads gerados por meio do site, da newsletter ou das redes sociais. Esse é um KPI muito interessante, uma vez que se trata de pessoas que, em algum momento, demonstraram interesse pelos seus serviços por meio de uma ação, disponibilizando alguns dados de contato como telefone e e-mail.

Ou seja, os leads são verdadeiras oportunidades de negócio.

Fique atento: sua equipe de vendas deve estar 100% focada nessas pessoas. Isso porque, quando bem trabalhados, esses leads tem muitas chances de se tornarem seus clientes.

Tráfego

É a partir do tráfego que todos os outros KPIs poderão ser mensurados. E é exatamente por isso que este é um dos indicadores-chaves primários mais importantes. Ao executar a estratégia da maneira correta, é possível ter um aumento no tráfego orgânico ao longo do tempo.

É preciso dizer que esse resultado não acontece da noite para o dia. O tráfego orgânico leva um tempo para apontar resultados expressivos. Antes disso, é preciso realizar um ótimo trabalho de SEO para contabilidade, investir em bons conteúdos e materiais que realmente agreguem valor a sua página. Após alguns meses trabalhando com este foco, o resultado começa a ficar evidente.

O tráfego orgânico serve como uma espécie de termômetro, indicando o quão atrativa está a página do escritório de contabilidade. Isso significa que, se mesmo depois e otimizá-lo e realizar diversas ações, o site ainda não apontar um aumento no tráfego orgânico, alguma coisa tem de errado!

O tráfego é dividido em duas categorias: usuários e sessões. Os usuários são visitantes únicos, contabilizados apenas uma vez no período analisado. Já as sessões dizem respeito ao número de vezes que o usuário acessou o site, independentemente se este for seu primeiro acesso.

Custo por lead

Já o Custo por Lead (CPL) é o custo unitário de cada lead em determinada campanha de marketing. Com esse KPI, é possível analisar se uma ação está seguindo o caminho planejando e produzindo os resultados esperados, ou não. Para realizar este cálculo, é preciso dividir o valor do investimento na estratégia pelo número de leads gerados com a ação.

 O CPL é uma métrica que varia muito entre escritórios de contabilidade. Quando mal calculado, pode abalar todo o negócio. Por isso, essa análise deve ser realizada com muita cautela e responsabilidade. Assim, todas as decisões, a partir dessa análise, serão tomadas de maneira assertiva, buscando resultados cada vez melhores.

Taxa de conversão

Diferente do CPL, a taxa de conversão é um KPI primário que ajuda a entender como está o retorno de cada investimento feito em seu escritório, seja ele de tempo ou dinheiro. Muitos contadores utilizam esse KPI para entender a real eficiência da sua comunicação, enquanto outros preferem utilizar esses dados para estipular as metas para o time comercial.

Para que esse KPI seja mensurável, é necessário entender que sempre haverá um investimento, seja em tempo ou dinheiro, para o lançamento de uma campanha, por exemplo. 

E para mensurar esse resultado é muito simples: basta dividir o número de acessos pelo número de conversões. Para isso, a avaliação só será precisa se feita ao final da campanha, pois mostrará os dados reais da mesma. 

Essa análise também pode ser feita em pequenos intervalos de tempo, caso você queira avaliar os dias e horários que a campanha teve melhor performance e converteu mais. Este é um dado extremamente interessante para levar em conta nas próximas ações.

Receita por compra e receita total

As receitas por compra e total dizem respeito à receita que entrou para o seu escritório durante determinada ação de marketing. Essa análise pode ser realizada tanto separadamente, analisando venda por venda, quanto de forma total, abrangendo todas as vendas de uma só vez.

Esse KPI é muito importante, pois é por meio dele que se terá uma noção se sua ação de marketing valeu a pena, ou não. Para isso, compare o valor investido com os valores de receita obtidos.

KPIs na contabilidade

KPIs secundários

Já os KPIs secundários na contabilidade apresentam a viabilidade das estratégias que estão sendo implementadas, seguindo os KPIs primários. Esses KPIs são essenciais para se ter uma base para realizar uma análise de dados minuciosa. É a partir desses indicadores que serão tomadas decisões importantes sobre mudanças de comportamento e ação, caso os indicadores não estejam apontando para os resultados esperados.

Ao estarem alinhados com os objetivos do escritório, os KPIs secundários apontam possíveis falhas de execução, gargalos nas estratégias e pontos que precisam ser melhorados. Essas são questões fundamentais para o funcionamento do escritório como um todo.

É importante ter em mente que os KPIs secundários devem justificar os primários, mostrando de que maneira os resultados almejados podem ser alcançados.

Os KPIs secundários mostram a relevância de um projeto ou ação por meio de dados que mostram, exatamente, quais caminhos as suas estratégias estão traçando. Ainda, esses indicadores mostram se as medidas necessárias para atingir seus objetivos estão sendo tomadas. 

Ainda, no que diz respeito à tomada de decisão, esses KPIs também apontam dados e números que ajudam na tomada de decisões mais assertivas. Assim, neste cenário, com os KPIs secundários, é possível acompanhar o desenvolvimento de cada uma das ações e, ainda, saber o quê fazer para melhorar os resultados caso eles não estejam indo bem.

Fazem parte dos KPIs secundários: 

  • Custo por lead em cada estágio do funil de vendas;
  • Assinantes da newsletter;
  • Assinantes do blog;
  • Visitantes recorrentes do site;
  • Custo por visita;
  • Origem do tráfego.

Confira abaixo um pouco mais sobre cada um dos KPIs secundários.

Custo por lead em cada estágio do funil de vendas

O CPL em cada estágio do funil de vendas mostra o valor pago por lead em cada etapa que ela avança no funil de vendas. Quanto menor este valor, melhor para o seu escritório.

Assinantes de newsletter

Ter assinantes na sua newsletter significa que suas ações primárias estão surtindo efeito. Este é um ótimo parâmetro para a análise de estratégias. Afinal, se o prospect se inscreve em sua newsletter, é porque, em algum momento, ele se interessou pelo que você tem a oferecer.

Assinantes do blog

O mesmo vale para os assinantes do blog. Quando o prospect realiza qualquer tipo de assinatura dentro de seus canais de comunicação, ele está indicando, indiretamente, que tem interesse no que você tem a dizer. 

A partir daí, o próximo passo é descobrir quais tipos de conteúdo ele mais tem interesse. Quando se tem essa direção, fica muito mais fácil criar conteúdos que o atinjam, fazendo com que ele avance no funil de vendas.

Visitantes recorrentes do site

Esse KPI mostra apenas os visitantes que retornaram à sua página, excluindo aqueles que só acessaram o site uma vez e nunca mais voltaram. Com essa análise, é possível identificar quais ações têm feito o usuário voltar à sua página.

Custo por visita

Esse KPI mensura o custo por visitas (CPV) de diferentes usuários. Ela indica a média de valor gasto em anúncios pelo número de diferentes usuários que acessaram a página no período correspondente. Essa é uma métrica de desempenho que analisa a estratégia de marketing digital como um todo, tanto em ações para tráfego pago, quanto para orgânico.

Origem do tráfego

A origem do tráfego mostra de onde veio cada usuário que acessou o site. Por meio desta métrica, é possível saber se determinado visitante veio a partir de um link de outro site, da página de resultados de mecanismos de busca, de uma campanha de e-mail marketing ou das redes sociais. 

Assim, é possível avaliar quais canais têm trazido mais visitantes e investir mais neles para aumentar seus resultados.

KPIs práticos

Enquanto, juntos, os KPIs primários e secundários fazem uma análise dos indicadores-chave de cada ação, os KPIs práticos dão uma verdadeira explicação sobre os resultados apontados pelos indicadores anteriores. Dessa forma, os números e dados encontrados em um primeiro momento poderão ser melhor analisados.

Essa é considerada a última parte da mensuração dos indicadores-chave, uma vez que mostra, na prática, como foi a performance de cada ação realizada.

Fazem parte da lista dos KPIs práticos:

  • Bounce rate;
  • Landing Pages com melhor desempenho;
  • Palavras-chave mais pesquisadas;
  • PageRank;
  • Páginas mais acessadas.

Confira como cada um dos KPIs práticos ajuda na finalização da mensuração dos indicadores-chave.

Bounce rate

O bounce rate, ou taxa de rejeição, é uma métrica que representa a porcentagem de visitantes que entram no site e, em questão de pouco tempo, vão embora sem visitar nenhuma outra página.

É muito importante tomar cuidado para não confundir a taxa de rejeição com a taxa de saída. Os significados e impactos que ambos têm são muito diferentes. A taxa de rejeição só acontece quando o usuário acessa apenas uma página do site. Enquanto isso, a taxa de saída mostra quantas pessoas abandonaram o site a partir de determinada página, independentemente de quantas páginas do site tenha visitado até então.

Acompanhar o bounce rate do site é muito importante, pois, por meio dele é possível obter informações importantes sobre a eficácia de seus CTAs e da mensagem que cada página passa e, assim, pensar em formas para otimizar essas chamadas. 

Esses esforços ajudam a diminuir a rejeição do site e, provavelmente, ajudará a aumentar suas conversões.

Landing pages com melhor desempenho

As landing pages (LP) são páginas que ajudam, e muito, a aumentar a conversão de clientes para escritórios de contabilidade. Essa é uma página que possui todos seus elementos voltados à conversão do visitante em cliente. Muito utilizadas em campanhas de marketing digital, as LPs costumam ter alta taxa de conversão.

Geralmente, as LPs têm menos elementos e mais links do que a homepage de um site normal. Essa é uma estratégia proposital, pois, após levar um visitante a uma landing page, seu único objetivo com ele deve ser conseguir convertê-lo.

Dessa forma, esse resultado aponta quais elementos e estratégias têm tido melhor desempenho na LP, dando vazão para mudanças e adaptações sempre que necessário.

Palavras-chave mais pesquisadas

As palavras-chave mais pesquisadas faz parte da lista de indicadores mais importantes. Afinal, é por meio delas que se descobre o que o público mais têm procurado e espera encontrar no seu site.

É por meio desta métrica que é possível ter insights para a criação de conteúdos que entreguem o que, de fato, seu público procura. Por isso, é muito importante ficar atento a este indicador, pois por meio dele é possível descobrir novas tendências.

PageRank

O PageRank é um algoritmo usado pelos buscadores para posicionar websites entre os resultados de suas buscas. Esse indicador mede a importância de uma página analisando a qualidade e a quantidade de links apontando para ela.

O PageRank de um site pode ficar entre 0 e 10. Porém, poucos sites conseguem alcançar a posição 10. Esse é um feito tão difícil que, para você ter uma ideia de como o algoritmo funciona, aqui no Brasil, páginas como UOL e Terra, que recebem milhões de acessos todos os dias e são referências, possuem PageRank entre 6 e 8.

Boas estratégias de SEO e bons parceiros de conteúdo podem ter como resultado o aumento do PageRank. 

Páginas mais acessadas

Como o próprio nome sugere, o KPI de páginas mais acessadas mostra quantas visualizações uma página teve durante uma ação. Isso norteia o gestor para qual tipo de item mais agrada a sua audiência. 

Essa métrica é muito importante, principalmente, para avaliar as páginas de conteúdo, pois permite a identificação de materiais que precisam ser melhorados e, também, quais tipos de características do texto mais agradam o usuário.

Os KPIs de crescimento mais importantes para um escritório de contabilidade

O processo de escolha dos KPIs mais importantes para um escritório de contabilidade dependerá muito da sua realidade atual e dos objetivos que você tem à curto e longo prazo. 

Se você está em busca de crescimento acelerado para o seu escritório, é interessante dar preferência aos KPIs que remetem à atração de novos clientes, como taxa de conversão de visitantes para leads, Clients Growth Rate ou os já citados neste artigo.

Confira, a seguir, os KPIs mais importantes para um escritório de contabilidade que quer crescer e como avaliá-los dentro do seu negócio.

KPIs na contabilidade

Taxa de conversão de visitantes para leads

A taxa de conversão de visitantes para leads tem como objetivo calcular a conversão de visitantes do site em potenciais clientes. Essa avaliação é feita por meio da obtenção do contato de usuários que estão navegando no site. 

Com ele, é possível entender quais ações, seções e conteúdos têm convertido melhor os visitantes.

O cálculo dessa métrica, além de muito importante, também é muito simples. Basta dividir a quantidade de formulários preenchidos pelo número de acessos dentro de um determinado período.

Por exemplo: se o seu site tem um volume de 10 mil acessos em um mês e, destes, obteve 798 formulários preenchidos, neste caso, temos:

Acessos: 10 mil

Número de conversões: 798

Cálculo: 798/10.000 = 7,98%

Neste caso, sua taxa de conversão de visitantes para leads é de 7,98%

Já para calcular a taxa de conversão para vendas, basta dividir o número de acessos pelo total de vendas efetuadas.

Clientes Growth Rate

O KPI de Clientes Growth Rate ajuda a acompanhar o crescimento da porcentagem de novos clientes que o escritório alcançou em determinado período de tempo. Ou seja, ele mede o número de novas vendas.

Você pode realizar o acompanhamento desse indicador por semana, quinzena, mês ou semestre. Tudo vai depender da realidade do seu negócio e da necessidade em que você tem de acompanhar esse crescimento de perto.

Lembre-se: quanto mais controle você tiver dessa métrica, mais rápido conseguirá mudar ações e estratégias que não têm apresentado uma boa performance.

Lucratividade

A lucratividade é um KPI que demonstra o ganho que o escritório tem sobre os trabalhos e ações que desempenha. Este indicador aparece em forma de porcentagem e está diretamente relacionado com a competitividade do negócio. 

Esse indicativo é muito importante, principalmente para escritórios de contabilidade que querem crescer, pois um dos cenários mais comuns no meio empresarial é o de empresas com faturamento elevado que geram pouco lucro.

Neste cenário, é possível identificar que há um custo elevado na estrutura do escritório que, quando identificado logo, pode evitar prejuízos financeiros que colocariam em risco a saúde financeira do negócio.

Para calcular a lucratividade, basta fazer a seguinte conta:

Lucratividade = (Lucro líquido/Receita total) x 100.

Índice de churn

Se você quer ver seu escritório crescer, é importante saber quantos passos para trás ele deu na busca desse objetivo. E é exatamente esse o motivo pelo qual você deve estar atento ao índice de churn.

Ter controle sobre o índice de churns garante com que seu escritório cresça de forma definitiva e mais saudável. E o motivo para isso é muito simples: se você consegue abrir 10 novos clientes em um mês, mas 14 outros clientes pedem cancelamento no mesmo período, isso significa que você não está crescendo.

Para descobrir a taxa de churns do seu escritório, é muito simples: se você conquistou 100 clientes em um mês e, no mês seguinte, 3 desses clientes pediram cancelamento, a sua taxa de churn é de 3%.

Quanto mais perto de 0 estiver o seu índice de churn, mais você está crescendo!

Porcentagem de clientes ativos

Acompanhar quantos clientes você tem em sua base é importante, mas o KPI de clientes ativos também permite com que se preveja quem pedirá o cancelamento. Como? Simples: se determinado cliente não utiliza seus serviços ou não entra em contato com o escritório há algumas semanas, então, as chances de ele cancelar o contrato com o seu escritório são grandes.

Dessa forma, ter o controle da porcentagem de clientes ativos te ajudará a acompanhar quem tem apresentado baixas performances e, assim, conseguir criar estratégias e ações voltadas para esses clientes a fim de reverter a situação.

Esse KPI está diretamente ligado ao índice de churn e, ao avaliá-lo, é possível diminuir sua taxa de cancelamentos, promovendo o crescimento do escritório. Porém, para tanto, é necessário que se tenha definido o que é um cliente ativo para o escritório e criar um índice de engajamento.

Por exemplo, se você tem uma carteira de 100 clientes dentro do escritório, mas 15 deles não têm participado ativamente da sua rotina, não têm trazido novas demandas e nem entrado em contato, então você pode acender um sinal amarelo como forma de alerta para possíveis churns.

Sobre a ABS Growth

Analisar os resultados é uma prática que deve ser realizada constantemente desde o início dos esforços. E a ABS Growth pode te ajudar nessas e em diversas outras tarefas que são fundamentais para o crescimento de um escritório de contabilidade.

A ABS Growth é a plataforma de crescimento definitivo do contador. Nós pavimentamos o crescimento de escritórios de contabilidade por meio de 4 pilares: marketing, vendas, produtos e educação. 

Tenha você 1 ou mil clientes, a fórmula para que seu escritório cresça e aumente a sua cartela de clientes é uma só: ABS Growth

Entre em contato com a nossa equipe de especialistas e descubra todas as soluções que somente a ABS Growth pode te oferecer!

Você também pode gostar desses Conteúdos​

Gestão de Processos Contábeis: Como tornar o seu escritório um produto sólido

Gestão de Processos Contábeis: Como tornar o seu escritório um produto sólido

Uma boa gestão de processos contábeis tornará o seu escritório de contabilidade um produto mais sólido. Aprenda tudo neste manual…
Marketing Digital para contabilidade: Manual Completo

Marketing Digital para contabilidade: Manual Completo

Contador que não entende de marketing? Não mais! Aprenda todas as estratégias de Marketing Digital para contabilidade e cresça muito…
Vendas na Contabilidade: como captar mais clientes

Vendas na Contabilidade: como captar mais clientes

As vendas na contabilidade ainda é um gargalo para o contador. Confira as melhores estratégias de vendas e aumente o…

Cadastre-se e saia na frente!

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Ao continuar, você concorda com nossa Política de Cookies.
Para mais informações, consulte nossa Política de Privacidade